Download de games para Xbox 360!!!

Últimos assuntos

» Ninja Gaiden 3 Razors Edge
Qua 17 Abr 2013, 8:20 pm por MaDoK

» Injustice Gods Among Us [RYU]
Ter 16 Abr 2013, 4:22 pm por MaDoK

» Gravando jogos XGD2/XGD3 com o ImgBurn
Seg 15 Abr 2013, 2:28 pm por MaDoK

» Pedido de jogo
Seg 15 Abr 2013, 1:37 pm por MaDoK

» como baixa arquivo em dlc? ajuda por favoorr
Seg 15 Abr 2013, 1:36 pm por MaDoK

» Tem algum jogo disponivel e funfando agora?
Seg 15 Abr 2013, 1:35 pm por MaDoK

» Microsoft points generator
Seg 15 Abr 2013, 1:35 pm por MaDoK

» Console etiqueta 2012
Seg 15 Abr 2013, 1:27 pm por MaDoK

» Regras da Seção de Downloads
Seg 15 Abr 2013, 1:23 pm por MaDoK

Navegação


    [Review] DiRT 3

    Compartilhe

    LesKouL

    Mensagens : 30
    Data de inscrição : 31/07/2011
    Idade : 19
    Localização : Ourinhos, SP

    [Review] DiRT 3

    Mensagem por LesKouL em Seg 01 Ago 2011, 9:06 pm

    Olá galera, no meu primeiro post como membro da equipe do fórum, irei postar uma Review (Revisão) do game DiRT 3, lançado no dia 24 de Maio de 2011.


    DiRT 3
    Fonte: Revista X360 - Editora Digerati

    "DiRT 3 tem um modo de corrida com um nome pra lá de esquisito: Gymkhana. De cara, o que vem na memória são aquelas gincanas de escola, como corrida do saco e caça ao tesouro. Esqueça, porque a semelhança fica só no nome. Gymkhana em DiRT 3 é sinônimo de jogo para gente adulta e tem tudo a ver com a maturidade que DiRT 3 alcançou.
    É lógico que esse modo de corrida poderia ter um nome mais bacana, tipo 'ThunderBlast' ou 'BlazeForce', mas... deixa pra lá. Essa modalidade é uma interessante inovação da série. E é difícil pacas. Os games de skate têm um toque de corrida nos truques e manobras. Já DiRT 3 etá repleto de truques e manobras nas corridas. Seguindo essa linha de raciocínio, o modo Gymkhana tem muito a ver com Tony Hawk, dadas as devidas proporções (ou seja, trocando as pranchas de skate por carros). Há várias maneiras de provar suas habilidades. Algumas delas são bem simples, como o acúmulo de pontos. Outras envolvem o cumprimento de tarefas específicas em um dado período de tempo. Tem até um modo freestyle com um monte de missões a serem completadas de acordo com seu ritmo. Há muita coisa para conferir e a curva de aprendizado é bacana. Se dedicar bastante tempo e esforço, vai ser definitivamente recompensado mais tarde.
    São apenas cinco categorias de truques que requerem - literalmente - meses para dominá-los. O mais simples de todos é o Smash. Nele, você tem que acertar blocos coloridos em sequência para ganhar pontos multiplicados. Por exemplo, se encontrar blocos dispostos em uma curva, o ideal é deslizar com o carro para fazer um drift (derrapagem). Mas é difícil acertar a mão e conseguir realizar o combo. É muito difícil deslizar com o carro em espaços apertados como o jogo requer constantemente. Nem rodar em círculos em pontos específicos, como requerem os truques Donut e Spin. Os truques de Jump são mais simples, mas se combinados com qualquer outro, ficam extremamente desafiantes. Aprender todos os truques é muito bacana, mas também é muito difícil. Ainda bem que é possível pular o modo Gymkhana, se assim desejar, para continuar sua carreira normalmente. Mas aquela sensação de "só mais uma partidinha" vai fazer com que volte frequentemente à Gymkhana.
    DiRT 3, porém, não tem só truques e manobras. Não se esqueça que a alma do jogo é a corrida tradicional, e nesse sentido ele é um dos melhores do mercado. Dá pra sentir que a Codemasters chegou à perfeição com esse último sistema de direção. Não dá para dizer se é o mais realista, mas certamente é o mais equilibrado. A física o jogo é intrincada e convincente. O jogo equilibra muito bem o controle e o perdão a pequenos erros. Acelerar sem pensar não adianta nada. Mas, com um pouquinho de cuidado e precisão, você desenvolve muita velocidade. O jogo se mostra de verdade quando você está extremamente concentrado, pisando fundo no acelerador.
    Como no modo Gymkhana, você precisa dominar várias modalidades nas corridas normais de DiRT 3. Há vários carros e pistas pra escolher, com toda variedade de terreno. Talvez não todos os terrenos que gostaríamos. Talvez essa seja uma das grandes fraquezas de DiRT 3. Com terrenos semelhantes, ficamos nos perguntando se estávamos pilotando nos mesmos lugares repetidas vezes. Uma dada ocasião destravamos novos eventos e nos perguntamos: "Finlândia? Ainda?" Nada contra a Finlândia, mas no modo carrer não tivemos a sensação que as pistas do mundo estavam sendo aberta para nós.
    A Codemasters implantou ideias muito boas no modo carrer, outras nem tanto. Você ganha pontos de reputação (tipo XP) de acordo com sua posição no pódio, ao completar objetivos de equipe e não usar replays. Aumentar seu level significa receber propostas de outras equipes. Essas propostas normalmente incluem mimos, como recompensas e novos carros. Mas XPs por si só não são recompensadores nesse nível, a sensação é de que você não fez por merecer. A maestria no volante é o que deveria ditar o sucesso ou fracasso em uma carreira.
    Mesmo contando com o irregular modo carrer e pistas parecidas entre si, DiRT 3 é uma aquisição imperdível para qualquer fã de corrida. O tipo de aventura na pista encontrado no jogo não tem paralelo em lugar algum. Os bons simuladores de corrida mantêm o equilíbrio entre desafio e diversão e DiRT 3 faz justamente isso."

    Bom, essa foi a Review de DiRT 3, eu estou louco para jogar, e vocês? (Saibam que assim que disponível postarei DiRT 3 em GoD para vocês!)
    Obrigado!

      Data/hora atual: Qua 07 Dez 2016, 11:19 am